Vamos falar sobre ARQUITETURA DE INTERIORES?

Vamos falar sobre ARQUITETURA DE INTERIORES?

Para começar, antes de mais nada, gostaria de explicar o que é Arquitetura de Interiores, pois muitos acabam confundindo com outras funções oferecidas no mercado.

Bem, podemos explicar de maneira simples que nada mais é a Arquitetura, propriamente dita, com ênfase no trabalho  de interiores.

A formação em Arquitetura permite que possamos atuar em várias áreas que abrange desde projetos de imóveis (casas, prédios, podendo estes serem comerciais, residenciais ou corporativos), onde podemos atuar também no urbanismo, paisagismo, desenho de produtos, projetos complementares, interior dos imóveis e etc… Ficou curioso para saber as nossas atribuições? CLIQUE AQUI, para ter acesso a informação.

No projeto de interiores o arquiteto foca muito na estética, mas sem deixar de lado a funcionalidade, levando em conta vários temas pertinentes tais como: ergonomia, acústica, conforto térmico, luminosidade… de maneira que ao final do projeto chegue na realização de um espaço aconchegante, funcional e harmonizado.

Quem está habilitado para ser um Arquiteto de Interiores?

Apenas o profissional que se formou em Arquitetura e que de preferência tenha cursos especializados na temática de interiores, podendo ser eles: projeto de interiores, estudo das cores, dos ambientes, luminotécnico, acústica, etc.

E você sabe a diferença entre um Arquiteto, o Designer e um Decorador?

Ainda não? Pois bem, realmente é muito comum a dúvida entre os clientes que ao final acaba gerando contratações equivocadas, infelizmente, por total desconhecimento das atribuições de cada profissional.

O profissional de Arquitetura ao se graduar está habilitado para atuar na área de construção civil e os profissionais de design e decoradores não.

O trabalho de um designer está limitado em ambientes internos e a sua função é planejar um ambiente de forma coerente, seguindo normas e conhecimentos adquiridos no seu curso técnico, este profissional não tem obrigação em ter formação superior, técnica ou de curta duração, podendo ser um autodidata declarado. Se um profissional desta área desejar fazer uma alteração no imóvel como remover ou adicionar paredes deverá solicitar uma avaliação de um arquiteto ou engenheiro, de maneira que este possa validar a execução do serviço.

E para finalizar, podemos dizer que um decorador é aquele “profissional” (entre aspas por ser uma profissão não regulamentada) que não precisa fazer cursos de formação, normalmente é um autodidata que começou por hobby a decorar os ambientes com elementos decorativos deixando assim o ambiente mais acolhedor.

Ficou interessado em saber como contratar um Arquiteto de Interiores? CLIQUE AQUI PARA BAIXAR O SEU GUIA, que irá auxiliar na contratação.

Sites consultados:

http://blog.unipe.br/graduacao/o-que-faz-um-arquiteto-de-interiores

http://www.caubr.gov.br/atribuicoes-entenda-a-diferenca-de-arquitetura-de-interiores-e-de-decoracao/

Sobre a Autora:

Grasiela Mancini é Arquiteta&Urbanista, formada pela USU – RJ (Universidade Santa Úrsula) no ano de 2001 e desde a sua formação realiza projetos, proprietária da empresa GRASIELA MANCINI Projetos. Contatos pelo e-mail: atendimento@grasielamancini.com.br

2 comentários em “Vamos falar sobre ARQUITETURA DE INTERIORES?

  • 21/04/2017 em 13:54
    Permalink

    Esse site é muito bom. Conteúdo de extrema relevância. Pena que todos os sites não seja assim como este. Top, top, top!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *