Preparativos da Feira Brasil Offshore estão a todo vapor

Fonte: Prefeitura Municipal
Jornalista: Tatiana Gama
Foto: Bruno Campos

Macaé é sede da nona Brasil Offshore, Feira e Conferência Internacional da Indústria de Petróleo e Gás, terceiro maior evento de petróleo do mundo. Os preparativos estão a todo vapor no Centro de Convenções Jornalista Roberto Marinho. O evento acontecerá de 20 a 23 de junho, das 14h às 21h. Há 11 dias para o início da feira, a empresa organizadora Reed Exhibitions Alcântara Machado atua na montagem da estrutura que formará o pavilhão externo.

A estimativa para esse ano é receber 550 marcas expositoras, 53 mil visitantes e movimentar R$ 250 milhões em negócios, em 40 mil metros quadrados de evento. Nesta edição, tanto os visitantes e quem planeja fazer investimentos terão a oportunidade de ampliar sua rede de contatos e gerar novas parcerias.

A Secretaria de Mobilidade Urbana de Macaé já realiza a recepção das carretas que estão transportando os equipamentos para a Feira Brasil Offshore. A estrutura está localizada em dois pontos da cidade: Rodovia RJ-168 (próximo a Câmara Municipal) e Rodovia RJ-106 (próximo ao Parque de Tubos) e conta com duas tendas, duas motos, duas viaturas e painéis eletrônicos, com funcionamento das 8h às 20h, até o dia 19 de junho.

O objetivo dessa recepção é orientar e acompanhar os condutores dos caminhões até o Centro de Convenções. O secretário de Mobilidade Urbana, Júlio Antunes, afirma que a proposta é receber os caminhoneiros na entrada da cidade e evitar a circulação nas avenidas da área central, utilizando as linhas Azul e Verde, além da Avenida Industrial.

Infraestrutura

A Prefeitura de Macaé vem realizando diversos serviços de manutenção no Centro de Convenções. Cerca de 40 profissionais participam da frente de trabalho, que visa a melhoria do espaço para a realização do evento.

Expositores

Entre os nomes já confirmados para a feira estão Petrobras; Petrustech, referência no fornecimento de serviços essenciais para apoiar a indústria internacional de energia; a Wärtsilä Brasil, multinacional finlandesa em soluções e prestação de serviços para navios; o Estaleiro Mauá, de plataforma portuária industrial; NUCLEP, de equipamentos pesados, vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação e Tiger Rentank do Brasil, de locação de equipamentos homologados para logística offshore.

A programação e o credenciamento para a Brasil Offshore Feira e Conferência Internacional da Indústria de Petróleo e Gás estão no site www.brasiloffshore.com.

Transporte

Para minimizar o impacto no trânsito gerado pelo deslocamento de visitantes durante o evento, a recomendação da Secretaria de Mobilidade Urbana é usar o transporte coletivo ou táxis.

Pensando nessa demanda, na última quinta (08), a prefeitura realizou duas edições do Programa Bem Receber, ocasião em que foi ministrada palestra sobre “A importância do taxista para o desenvolvimento do Turismo”. O objetivo foi qualificar esses profissionais para atuação no receptivo dos visitantes que comparecerão à nona edição da Feira Brasil Offshore 2017.

– A cidade se prepara não só para a Brasil Offshore, mas também para o início de um novo ciclo econômico. A Bacia de Campos vai voltar a receber investimentos e vai voltar a gerar empregos. Os taxistas são a vitrine da nossa cidade. São eles os primeiros a receber os visitantes, são eles que informam, orientam e ajudam a descobrir o que a cidade tem a oferecer, – destacou o prefeito Dr. Aluízio, na abertura do evento dos taxistas.

A palestra foi realizada pelo taxista José Cestari, 22 anos na área. Ele abordou assuntos como formas de tratamento, fornecimento de orientações corretas, boa recepção do visitante e cordialidade.

O município conta com 178 taxistas cadastrados.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *